O que um Advogado aprende com uma criança?

1. Estar PRESENTE

Crianças são desapegadas às preocupações com o futuro, por isso focam em estarem presentes, tornando os dias mais leves e importantes.

Os maiores problemas de ansiedade estão relacionados às preocupações futuras, assim advogados deixam de viver o HOJE. Principalmente os que atuam no ramo contencioso, em que o futuro é sempre um fator de estresse, devendo estar sempre atentos aos prazos, utilizando ferramentas para otimização das tarefas.

Um modelo de vida de SUCESSO é focar 10% nos aprendizados do passado para mudanças, relembrando boas lembranças, assim celebrando a vida; bem como focar 25% no planejamento do futuro com visão e fé; enquanto 65% é investido em sua maior energia física e psíquica à ação presente.

2. Ter FOCO

Clientes, prazos, processos, gerenciamento de equipe, administração do escritório, dentre as inúmeras atividades que um advogado precisa executar não existe desafio maior que focar apenas no que está fazendo, é desafiador equilibrar as inúmeras tarefas que surgem no decorrer do dia.

Refletindo como as crianças, é importante focar em fazer apenas uma coisa e manter a atenção, dificilmente elas se preocupam em realizar múltiplas tarefas. Eis o grande segredo da produtividade.

No entanto, é importante planejar e delegar as outras atividades que sustentam o escritório.

3. Usar a CRIATIVIDADE

O grande diferencial de um advogado é ser criativo na hora de criar estratégias para a defesa do seu cliente, lidando em diferentes casos.

A imaginação permite ver os mesmos fatos em novos ângulos, assim como fazem as crianças que utilizam a atividade lúdica para descrever histórias fantásticas a partir do que vivenciam, por isso é tão importante o profissional desenvolver essas habilidades.

Escrever um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *